Sinoterapia para Hipertensos

Um problema que está infelizmente sempre na moda: Hipertensão. E não é para menos. Segundo o IBGE em 2004, 35% da população acima de 40 anos sofre deste problema.

Estamos falando de 17 milhões de pessoas no Brasil! sinoterapia-26Entre as principais causas, podemos apontar: Propensão genética, má alimentação ( sal e açúcares), excesso de peso, excesso de álcool, stress e falta de exercícios. Ou seja, a maioria devido aos nossos hábitos de vida.

Fica claro então que a melhor maneira de tratar e prevenir a hipertensão consiste em adquirir hábitos de vida mais saudáveis, principalmente em relação à alimentação e às atividades físicas.

Mas, e quando a pessoa já está hipertensa?

Se for ao médico, meu caro leitor, você sabe que vai ouvir um sermão sobre seus hábitos de vida e muito provavelmente sairá de lá com exames para fazer e finalmente, uma pequena coisa: uma pílula. Remédio. Medicação. Ela começará a fazer parte de seus hábitos: Deverá tomar a medicação segundo a prescrição médica. Poderá manter sua pressão arterial sobre controle por meio deste remédio. Efetivo? Sim, muito. Só tem um pequeno problema: você deverá tomá-lo provavelmente pelo resto de sua vida.

Neste ponto, fica a dúvida: Será que está realmente ajudando? Pois afinal de contas , você não poderá parar de tomar, sob o risco de desregular sua pressão. Ficará dependente da medicação. E na grande maioria das vezes, de tempos em tempos deverá aumentar a dosagem.

Quantas pessoas você conhece que deixaram de tomar remédio para pressão? E quantas você conhece que tiveram que aumentar a dosagem?

Até aqui, todos os hipertensos sabem o que devem fazer: a famosa tríade Alimentação-Exercícios-Medicação. Agora, permita-me falar um pouco sobre como eu posso ajudar com a Sinoterapia. Inúmeras pessoas já se beneficiaram dos tratamentos que ofereço, e pude na maioria deles desfazer essa tríade. O paciente conseguiu reduzir ou até mesmo livrar-se da medicação, para posteriormente cuidar de sua pressão arterial somente com exercícios e alimentação.

O objetivo da Sinoterapia é sempre de melhorar e estimular o bom funcionamento do corpo.Assim, você mesmo se tornará mais eficaz para regular sua pressão, com menos e menos ajuda da medicação.

Para aqueles que querem evitar remédios e seus efeitos colaterais, esta notícia é fantástica! E funciona?

Sim! durante anos pude verificar na prática os efeitos que a acupuntura (e portanto, a Sinoterapia) tem. Regulagem da frequência cardíaca, da pressão arterial, recuperação acelerada de pós-cirurgia cardíaca... até mesmo evitar a própria cirurgia! Por isso, muitas pessoas optam pela Sinoterapia para tratar a hipertensão e outros problemas cardíacos.

Recentemente, estes resultados milenares foram comprovados cientificamente: Uma pesquisa realizada em 2012 pela University of California comprovou que a acupuntura (e portanto a Sinoterapia) protege o coração, diminuindo o número de arritmias cardíacas, disfunções ventriculares e o tamanho de áreas infartadas. Outro estudo também de 2012 na mesma University of California verificou que a eletroacupuntura (e portanto a Sinoterapia) estimula áreas cerebrais específicas para a redução da hipertensão, além de produzir um efeito anti-arritmia.

Com tantas evidências, comece a cuidar de seu coração com Sinoterapia!

 

Referências:

Evidence-Based Complementary and Alternative Medicine. Volume 2012 (2012), Article ID 878673, 9 pages. doi:10.1155/2012/878673. Neuroendocrine Mechanisms of Acupuncture in the Treatment of Hypertension. Wei Zhou and John C. Longhurst. Department of Anesthesiology, David Geffen School of Medicine, University of California Los Angeles, Los Angeles, CA. Department of Medicine, University of California Irvine, Irvine, CA.

World J Cardiol. 2012 March 26; 4(3): 60–65. doi: 10.4330/wjc.v4.i3.60. Acupuncture for paroxysmal and persistent atrial fibrillation: An effective non-pharmacological tool? Federico Lombardi, Sebastiano Belletti, Pier Maria Battezzati, and Alberto Lomuscio.

Am J Physiol Heart Circ Physiol. 2012 May;302(9):H1818-25. Epub 2012 Feb 24.
Cardioprotection of electroacupuncture against myocardial ischemia-reperfusion injury by modulation of cardiac norepinephrine release. Zhou W, Ko Y, Benharash P, Yamakawa K, Patel S, Ajijola OA, Mahajan A. Department of Anesthesiology, UCLA - University of California, Los Angeles.

Kurono Y, Minagawa M, Ishigami T, Yamada A, Kakamu T, Hayano J. Auton Neurosci. Acupuncture to Danzhong but not to Zhongting increases the cardiac vagal component of heart rate variability. 2011 Apr 26;161(1-2):116-20. Epub 2011 Jan 7.